Panamá se apresta para trasladar los 3000 inmigrantes cubanos en su territorio y llevarlos hasta Méx

Los 3.000 emigrantes de la Isla que se mantienen varados en la frontera ...

Sindicatos argentinos reclaman contra la subida de precios y los despidos

Las centrales sindicales argentinas clamaron hoy en una masiva movilización en Buenos ...

Venezuela: Capriles dice recogieron más de un millón de firmas para revocatorio a Maduro

El líder opositor Henrique Capriles dijo que en dos días de recolección de ...

El senado de EUA aprobo extender las sanciones contra funcionarios venezolanos chavistas

El Senado de los Estados Unidos aprobó de manera unánime un proyecto de ...

José Serra sera o proximo chaceler do Brasil

Rio – O Ministério das Relações Exteriores que deverá ser entregue ao ...

Notícias: Brasil
"Como antes da revolução": Cuba anuncia retorno do boxe profissional após mais de 50 anos PDF Imprimir E-mail
Escrito por Indicado en la materia   
Domingo, 02 de Junio de 2013 11:59

Cuba anunciou na sexta-feira que o país voltará a ter boxe profissional. A decisão foi tomada após a confirmação da participação no Campeonato Mundial de Boxe, cujo campeão recebe US$ 500 mil em prêmios, ao firmar um contrato com o diretor-geral do evento, Karim Bouzidi.
Julio la Cruz Paraza (esq.), de Cuba, em uma luta contra o brasileiro Yamaguchi Falcão na Olimpíada de Londres

"O país é um dos melhores do mundo no boxe e sua participação nesta competição será espetacular", disse o diretor-geral do evento Karim Bouzidi à imprensa, ao confirmar a presença da equipe cubana na quarta edição do evento, que começa no dia 15 de novembro.

Última actualización el Domingo, 02 de Junio de 2013 12:02
 
Cuba amplia acesso público à internet. Uso privado e doméstico continuará "restringido" PDF Imprimir E-mail
Escrito por Indicado en la materia   
Miércoles, 29 de Mayo de 2013 09:02

Cuba ampliará a partir de 4 de junho o acesso à internet, com a abertura de 118 salas de navegação na ilha, aproveitando um cabo submarino de fibra ótica lançado desde a Venezuela, mas o acesso em massa à rede seguirá restrito, informou nesta terça-feira (28) o ministério das Comunicações.


"A partir de 4 de junho de 2013, o serviço público de acesso à internet se ampliará através de 118 salas de navegação" que serão abertas nas principais cidades, e "outras irão se incorporando progressivamente", segundo uma resolução do ministério publicada no Diário Oficial e em meios de comunicação locais.

Última actualización el Miércoles, 29 de Mayo de 2013 09:05
 
Ministro Alexandre Padilha, da Saúde, descarta trazer médicos cubanos para o Brasil, formados numa determinada escola da ilha PDF Imprimir E-mail
Escrito por Indicado en la materia   
Sábado, 25 de Mayo de 2013 10:26

O ministro Alexandre Padilha, da Saúde, descartou nesta terça-feira trazer médicos de uma escola cubana para atender em municípios do interior do Brasil.

No início do mês o Itamaraty anunciou que o Brasil estaria negociando com Cuba um acordo para receber cerca de 6 mil médicos daquele país. Para o ministro, uma das exigências é que os profissionais venham de países cuja formação universitária garanta o exercício da medicina no Brasil.

Última actualización el Domingo, 26 de Mayo de 2013 10:42
 
Reunião entre presidente da Colômbia e Capriles enfurece Venezuela PDF Imprimir E-mail
Escrito por Indicado en la materia   
Jueves, 30 de Mayo de 2013 10:53

A Venezuela reagiu com fúria à reunião entre o presidente colombiano, Juan Manuel Santos, e o líder da oposição venezuelana, Henrique Capriles, nesta quarta-feira, dizendo que era uma “bomba” nas relações bilaterais e chamando de volta um emissário para o processo de paz da Colômbia.

Capriles se encontrou com Santos em Bogotá no início de uma turnê pela América Latina para defender sua versão de que a eleição presidencial do mês passado na Venezuela foi fraudulenta e que o governo do presidente Nicolás Maduro, portanto, é ilegítimo.

 
Venezuela: Capriles reclama que novos diretores da Globovisión vetam seus discursos PDF Imprimir E-mail
Escrito por Indicado en la materia   
Martes, 28 de Mayo de 2013 08:47

O líder da oposição venezuelana e ex-candidato presidencial Henrique Capriles disse que a nova diretoria do canal privado Globovisión ordenou que seus discursos não sejam transmitidos mais ao vivo e assegurou que o Governo de Nicolás Maduro quer controlar “todos os meios”.

“Graças a toda essa grande equipe de trabalhadores da Globovisión fui informado que a nova Diretoria ordenou que eu não saia mais ao vivo”, se pode ler na conta do Twitter de Capriles @hcapriles, onde escreveu mais de uma dúzia de mensagens a respeito em que também reiterou gratidão aos empregados do canal.

 
«InicioPrev12345678910PróximoFin»

Página 10 de 574